Não somos sustentáveis só porque usamos tecidos biodegradáveis




É isso mesmo, não somos uma marca de moda praia sustentável só porque utilizamos tecidos biodegradáveis! Pra Pitaia Rio, o tecido biodegradável utilizado em nossas peças é apenas uma consequência de um propósito muito maior como objetivo de marca. <3 No entanto, nos últimos meses, percebemos um movimento de muitas marcas que parecem estar começando a enxergar uma demanda do consumidor por produtos com menor impacto ambiental (e ficamos muito impactadas positivamente por essa exigência vir crescendo). 

No entanto, será que apenas o fato de utilizar tecidos sustentáveis (ou biodegradáveis) torna uma marca sustentável? A substituição por matérias-primas mais sustentáveis, com certeza, é digna de aplausos, mas isso não significa que as práticas por detrás da marca em questão não sejam nocivas ao meio ambiente. A seguir, demonstramos alguns dados do site especializado em economia circular Ellen Macarthur Foundation, pela consultoria QuantisONG Remakee o Movimento Fashion Revolution e exemplificamos possíveis soluções dentre as práticas sustentáveis que praticamos em nossa empresa. 1. O equivalente a 1 caminhão de lixo têxtil é desperdiçado por segundo no mundo.

Os dados sobre a segunda maior indústria poluidora no mundo, que é a indústria têxtil, são chocantes. É grande o desperdício gerado na produção, por isso é importante que as empresas se responsabilizem por estes resíduos.

Por isso, na Pitaia, reutilizamos as sobras para confeccionar lacinhos de cabelo. Não temos nenhum apelo comercial com isso (não vendemos, apenas presenteamos nos pedidos). Além de diminuir o lixo da nossa produção ainda geramos renda para costureiras locais. As sobras da confecção dos lacinhos, por sua vez, é doada para a confecção de recheios de almofada ou então é corretamente destina ao aterro sanitário. 2. 8% do C02 lançado no mundo (1,2 bilhões de toneladas ) são lançados na atmosfera pela indústria têxtil. Utilizamos apenas tecidos com o selo CO2control®, fabricados com materiais e processos auditáveis e de reconhecido esforço na busca pela sustentabilidade no têxtil, como por exemplo: compostabilidade; biodegradabilidade no descarte; isenção de modificações genéticas; ciclos fechados de produção; não utilização de produtos tóxicos ou danosos a saúde humana e rastreabilidade de produção. Além disso, as nossas entregas ecológicas de bike no Rio de Janeiro e produção apenas em confecções locais reduzem ainda mais a emissão de CO2 na atmosfera. Marcas que produzem em outro estados ou outros países, por exemplo, vão ter altos gastos de emissão de CO2 no transporte de materiais e produtos.  3. Compras de roupas mais que dobraram nos últimos 15 anos e já ultrapassaram o número de roupas utilizadas. As roupas são cada vez mais baratas e cada vez com menor durabilidade. Essa vem sendo a lógica de consumo majoritariamente adotada nos últimos tempos. Não seguimos tendências para conseguir criar peças atemporais e versáteis, que vão diretamente na contramão dessa lógica de consumo.  Além disso, temos uma grande preocupação em utilizar apenas matérias-primas com alta durabilidade e qualidade, além de baixo impacto ambiental. Por isso, não utilizamos materiais altamente nocivos como plástico e outros derivados de petróleo.  4. A indústria da moda emprega cerca de 75 milhões de pessoas, sendo cerca de 80% mulheres na idade entre 18 e 24 anos, com salários e condições de trabalho precárias. Acreditamos que é nossa responsabilidade contribuir com o desenvolvimento do local onde estamos inseridos, o que é primordial para um crescimento da sociedade de forma sustentável.  Sendo assim, trabalhamos apenas com confecções locais e regularizadas. Além disso, recentemente, sentimos a necessidade de atuar mais ativamente no aspecto social durante esse período de pandemia, o que deve perdurar até depois que toda essa situação se regularizar. Com isso, estamos doando metade do lucro das vendas do site para ajudar famílias e profissionais em situação de vulnerabilidade. 5. A confecção de 1 calça jeans consome cerca de 10 mil litros de água. Isso é mais que o suficiente para o consumo de água de mais de 2 anos para uma pessoa! Nossos tecidos utilizam água de reuso na sua produção e nossas estampas são digitais, o que reduz em cerca de 95% o desperdício de água em relação a estamparia tradicional.

Nossa visão sobre moda sustentável é a seguinte: produzir menos com mais qualidade e durabilidade utilizando todos os meios possíveis para causar o menor impacto no meio ambiente. Portanto, fique atenta com o marketing das grandes marcas e sempre exija a transparência do modo de confecção daquilo que você está comprando. 

#diamundialdomeioambiente

57 visualizações
  • Facebook - Black Circle
  • Preto Ícone Instagram

SEJA A PRIMEIRA A RECEBER NOSSAS NOVIDADES!

PITAIA RIO

contato@pitaiario.com.br

(21) 2575-8699

33.493.320/0001-80

Rua Antônio Basílio, 163

Rio de Janeiro. 20511-190